Contate-nos

Terminal de ASC

Empilhando a eficiência do espaço

As pontes rolantes de empilhamento automatizadas permitem a maior capacidade e densidade de empilhamento possíveis. O terminal de ASC otimiza a taxa de processamento e a área ocupada pela pilha. Ao usar a Kalmar AutoShuttle™ como alimentador, o tamanho da saia também pode ser minimizado, fazendo com que o espaço de seu terminal seja o mais eficiente possível. No caso de terminais novos, a redução do tamanho da área ocupada pode resultar em uma significativa economia de custos de capital em termos de aquisição de terreno e construção do terminal. Alternativamente, e no caso de terminais já existentes, o espaço liberado pode ser usado para uma expansão da área de empilhamento que permite aumentar sua receita operacional.

Mais produtividade e segurança 

Uma combinação de pontes rolantes de empilhamento automatizadas (ASCs) e de transportadores de pórtico automatizados ajuda a manter alta produtividade à beira do cais e assegura os mais elevados padrões de segurança e conformidade com os regulamentos do transporte marítimo. Além de minimizar o potencial de erros humanos e melhorar a segurança, a automação ajuda a evitar interrupções inesperadas que afetam a produtividade e a rentabilidade.

ASCs são tipicamente usados em terminais de grande porte onde a taxa de processamento e a densidade de empilhamento estão entre os principais indicadores de desempenho. Porém, a longo prazo eles também podem ser uma solução econômica para terminais de médio porte.

A movimentação automatizada de caminhões permite o processamento de caminhões de rua diretamente na área de transferência da pilha da ASC, eliminando a necessidade de transporte intermediário no lado da terra, melhorando assim a segurança e a eficiência e reduzindo ainda mais os custos.

A Kalmar é pioneira em automação de empilhamento, com vários primeiros-lugares no setor, incluindo:

  • A primeira ponte rolante de empilhamento automatizada, instalada nos Terminais Europeus de Contêineres nos Países Baixos

  • O primeiro conceito de pilha de três guindastes, para a HHLA de Hamburgo, Alemanha

  • Os primeiros transportadores de pórtico semi-automatizados no London Gateway, Reino Unido

  • O primeiro projeto de terminal híbrido na TraPac de Los Angeles, EUA

 

Conversão de terminais

Embora a automação seja mais natural em projetos de terminais novos, é possível converter terminais existentes – ou brownfield – para a automação parcial ou total.

Leia mais

 

Download

Folheto de ASC Tamanho: 3,4 MB