Contate-nos

A Kalmar fornece o núcleo da automação do DP World London Gateway

É da maior importância para nós fazermos com que os equipamentos e o sistema operacional do terminal sejam completamente integrados, para que nossas operações tenham a maior eficiência possível. Andrew Bowen, Diretor de Engenharia, DP World London Gateway

As soluções de automação da Kalmar estão no coração do DP World London Gateway. Com uma capacidade anual final de 3,5 milhões de TEU, ele usa a automação para entregar ótima produtividade e custos operacionais reduzidos

O núcleo da automação do DP World London Gateway

O desafio

O desafio era desenvolver um novíssimo parque portuário e de logística com foco na automação para entregar máxima produtividade, reduzir custos operacionais e sem também deixar de ser amigável ao meio ambiente. Atualmente há poucas instalações portuárias no Reino Unido que podem receber os novos porta-contêineres de grande porte. A DP World está projetando uma instalação especificamente para receber as maiores embarcações que estão operando em linha agora e no futuro

A solução

A Kalmar forneceu uma solução turn-key composta por 40 automated stacking cranes (ASCs), o sistema automatizado de carregamento de caminhões – que automatiza a operação no lado de terra do terminal – e 28 shuttle carriers, integrados com o sistema operacional de terminal Navis N4, e com o apoio das reachstackers da Kalmar. O Navis N4 TOS também administra a transferência de contêineres de e para o parque de logística adjacente, e executa processos automatizados no seu portão, no pátio de contêineres e no terminal ferroviário.

Os resultados

A automação de ponta a ponta, alcançada através da integração dos ASCs e shuttle carriers com o N4 TOS, entrega maior densidade e escalonabilidade de empilhamento para volumes crescentes, e também com segurança, economia e confiabilidade comprovadas. A produtividade também é aumentada pela capacidade dos equipamentos de operar com ventos fortes. Com foco em equipamentos e sistemas automatizados de alto desempenho, o porto estará bem preparado para atingir sua capacidade anual de 3,5 milhões de TEU quando completado.