Contate-nos

Patrick Brisbane, Austrália

“Passamos 12 meses sem um único acidente de trabalho entre nossos 160 empregados.” Matt Hollamby, gerente da Divisão de Terminais da Patrick em Brisbane

Oferta:

Automação

A facilidade da automação

A automação é uma vantagem competitiva fundamental para o terminal de contêineres da Patrick no Porto de Brisbane, Austrália.

O desafio

A jornada da Patrick em direção à automação começou em meados da década de 1990, quando a equipe de administração aceitou o desafio de melhorar a segurança e a eficiência da operação, e ao mesmo tempo reduzir os custos
ascendentes. A Patrick viu a automação como uma oportunidade de agilizar as operações e introduzir conceitos de linha de processamento na estiva do terminal.

Um outro estímulo foi o surgimento de uma terceira  empresa de estiva para desafiar o efetivo duopólio da Patrick e da DP World no Porto de Brisbane. O foco da operação era melhorar a estiva
já prevendo a maior concorrência e condições operacionais mais difíceis.

 

A solução

A Patrick decidiu automatizar um straddle carrier da Kalmar já existente, o que possibilitou uma transição suave dos processos manuais para os automatizados.

A tecnologia de automação usada nos Kalmar AutoStrads foi desenvolvida em cooperação entre a Kalmar e a Asciano.
O terminal da Patrick em Brisbane agora opera 27 Kalmar AutoStrads, e pretende-se implementar 44 AutoStrads e sistemas de automação e controle em tempo real no projeto da companhia para a reforma do Porto Botany
em Sydney até o início de 2015.

Os resultados

Straddle carriers totamente automatizados podem operar o dia inteiro, todos os dias, reduzindo significativamente os custos de mão de obra. Hoje uma equipe de grua de apenas quatro pessoas é necessária para operar um guindaste de pórtico entre o navio e o porto, e as áreas do pátio e de empilhamento.

A eliminação do erro humano é um dos principais benefícios de um sistema automatizado. O resultado é uma significativa melhoria na segurança do local de trabalho. O terminal AutoStrad da Patrick tornou-se um dos mais seguros do mundo desde a introdução do sistema AutoStrad da Kalmar.